Receba as postagens deste blog

18.9.09

CALE-SE!

DISSE JESUS:
O ladrão vem somente para roubar, matar e destruir; Eu vim para que tenham vida e a tenham em abundância. João 10:10

Em pleno setembro de 2009, observamos grupos de extermínio de seres humanos e nações sem armas de fogo. A munição de guerra mais violenta de todos os tempos é aquela mais sutil, onde um ser humano é colocado contra o outro ser humano para a destruição do seu próximo e com ele a sua própria, a da sua cultura, e da sua nação. Os que trabalham em prol da vida são calados através de censura, ameaças, escárnio e outras formas de violência.

1) Como um cidadão brasileiro pode estar a serviço do extermínio de um outro cidadão brasileiro e de todo o país sem usar uma arma de fogo?

2) Que grupos estão sendo usados para o seu próprio extermínio e o da humanidade?

3) O apoio de um religioso às políticas de extermínio populacional.

4) Vamos nos defender e nos proteger ou deixar que grupos de extermínio continuem agindo de forma a destruir a todos nós?

Analisando estas questões:

1) Como um cidadão brasileiro pode estar a serviço do extermínio de um outro cidadão brasileiro e de todo o país sem usar uma arma de guerra?

1.1) Através do assassinato de crianças indefesas condenadas inocentemente a morte ainda no útero de suas mães. Grupos de extermínio de vidas humanas apresentam e defendem propostas legislativas e políticas públicas pró-aborto. Vejam as propostas legislativas pró-vida e família e as que são contra no site do Dr. Paulo Fernando Melo da Costa: www.paulofernando.com.br

Para que o povo brasileiro não perceba o peso desta atrocidade, os seguintes termos são utilizados para não chocar e também para passarem as propostas legislativas e políticas públicas anti-vida: controle da natalidade, controle da população, planejamento familiar, interrupção da gravidez “indesejada”, opção da mulher, direito da mulher, políticas de gênero, diversidade sexual, homofobia, livre expressão da orientação sexual, e outros.

Há países que condicionam empregos e obrigam casais a realizarem o tal “controle da natalidade”, ainda que o casal contrarie a sua própria vontade, em prol do plano político com finalidades econômicas para a redução e futuro extermínio de povos e nações.

Por esta razão, dois deputados do PT, foram julgados e condenados inocentemente no dia 17 de setembro de 2009, numa tortura inquisitiva das 10 às 18h30min, pelo PT, partido do Governo Federal, simplesmente por trabalharem em prol da vida humana, para salvar o povo brasileiro e a humanidade das políticas de extermínio.

Um desses deputados eu conheço bem de perto – é o Dep Henrique Afonso-AC, da bancada evangélica do Congresso Nacional, autor da Jornada Evangélica Nacional em Defesa da Vida e da Família, condenado a 90 dias de suspensão do partido e, o outro, é o Dep espírita BASSUMA, condenado há 1 anos de suspensão. Além disso, ambos não poderão participar de comissões que trabalham em prol da vida humana e família. Conheça mais o nosso Deputado evangélico pró-vida: www.henriqueafonso.com e veja as bandeiras que ele defende e não querem que ele as defenda mais.

Infelizmente, a Sra. BENEDITA DA SILVA também participou do julgamento condenando o Deputado Henrique Afonso. Ele é pastor presbiteriano e ela que se diz presbiteriana... fazendo um papel desses! Tive um embate com essa Sra. recentemente na conferência missionária na igreja Presbiteriana Betânia em São Francisco, Niterói, RJ. Ela se diz evangélica, mama votos dos evangélicos e apóia políticas de movimentos que trabalham contra o ser humano, família e princípios cristãos, e não ensina para as igrejas como participar das políticas públicas via Comissões de Direitos Humanos estando secretária de Direitos Humanos no Rio de Janeiro. E ainda por cima se coloca como vítima e “pede para as pessoas orarem por ela, pois muitos só fazem julgá-la!” É UMA VERGONHA PARA A NOSSA NAÇÃO, para o povo evangélico esta Senhora se denominar evangélica! Ela é uma vergonha para os negros, para a classe das mulheres, para aqueles que ela representa, pois parece trabalhar para a destruição dos pobres, dos que estão onde ela saiu!

Foram os participantes do PT quem votaram a condenação dos dois Deputados petistas pró-vida e eles foram condenados por unanimidade e esta Senhora BENEDITA DA SILVA os condenou por suas ações pró-vida família.

Não podemos permitir esta injustiça contra os nossos representantes pró-vida, não podemos admitir o extermínio do nosso povo, da nossa nação!

1.2) Para completar a política de controle de população há um incentivo constante para que políticas pró-homossexualismo sejam impostas na sociedade brasileira acompanhados de intimidação e censura aos contrários, acusados de homofóbicos.

Li o interessante depoimento de Paulo Nascimento, 21 anos (época em que escreveu), ele declarou vivenciar a homossexualidade e desabafou através de seu artigo, publicado na revista Caros Amigos: “A VIADAGEM ENCAMPANDO A POBREFOBIA”. Segundo ele o que se pretende em tais políticas públicas é o dinheiro dos que estão homossexuais, pois estes aquecem o mercado financeiro e dão muito lucro. Rapaz inteligente!

Os que estão homossexuais, também não fazem bebês, pois nas relações com o mesmo sexo não há procriação. Além disso, o quadro primário ou secundário obssessivo-compulsivo, sado-masoquista, da dependência emocional e outros, por parte da maioria dos que estão homossexuais podem favorecer o risco a integridade física de muitos – vide artigos do site da ABRACEH: www.abraceh.org.br e blog: http://rozangelajustino.blogspot.com.

Mas, a primeira a ser punida e calada pelos movimentos anti-vida fui eu, Rozangela Justino, uma simples psicóloga do Estado do Rio de Janeiro. Por que venho incomodando tanto as políticas públicas anti-vida e, inclusive, venho recebendo ameaça de morte como um alerta, caso já comunicado à autoridade policial?

A REDE GLOBO DE TELEVISÃO através do programa TOMA LÁ DA CÁ exibiu um quadro no dia 15 de setembro incitando as pessoas ao ódio a uma tal Dra. que ajuda pessoas a saírem da homossexualidade dizendo que ela dopa as pessoas com medicamentos e obriga-as a assinar um termo dizendo que não vão mais retornar à homossexualidade, além de amarrá-las, e outras atrocidades colocadas no programa. Em meio às dramatizações caricaturadas declaram que esta Dra. deveria ser presa, morta, dentre outras incitações ao ódio, e parecem instigar pessoas que estão homossexuais a irem às vias de fato.

Precisamos desligar as TVs e não mais assistir às programações da REDE GLOBO DE TELEVISÃO que ao longo dos anos vêm trabalhando de forma a inverter valores sociais e agora, declaradamente incitando o ódio de movimentos sociais contra uma pessoa que trabalha para o bem das próprias pessoas que estão homossexuais. É muita injustiça!

Se você conhece alguém que é assinante da globo, por favor, nos envie o filme todo que tem a duração de 35 minutos. Se tiver tempo transcreva todo o conteúdo deste programa e nos envie, por gentileza: rjustino@urbi.com.br e rozangelajustino@abraceh.org.br. Quem não é assinante só consegue ver parte do filme: http://video.globo.com/Videos/Player/Entretenimento/0,,GIM1124691-7822-DEISE+SURPREENDE,00.html e http://www.youtube.com/watch?v=Fv1KWWVKlAw

Não somente a REDE GLOBO, mas a TV RECORD vem trabalhando em prol das políticas anti-vida. Parece que concorrem entre elas para ver quem trabalha melhor contra a vida humana e família. Diversas pessoas observaram que a RECORD vinha fazendo propaganda de políticas pró-aborto e que em um dos seus programas, durante esta semana, apresentou um quadro com várias famílias que apóiam seus filhos homossexuais. Quem assistiu presenciou o escárnio diante da fala de pastores e pessoas que defendiam a Palavra de Deus e os princípios cristãos, não acreditaram estar diante de uma tela de TV dirigida por “evangélicos”.

PRECISAMOS REALIZAR A CAMPANHA “DESLIGUE A SUA TV”, especialmente no canal da GLOBO e da RECORD – não podemos assistir a competição para o mal da humanidade entre ambas.

INFELIZMENTE, TUDO ISSO ESTÁ ACONTECENDO PORQUE HÁ UMA RESOLUÇÃO, chamada Resolução 01/99 do Conselho Federal de Psicologia que PROIBE PSICÓLOGOS DE APOIAREM PESSOAS QUE VOLUNTARIAMENTE DESEJAM DEIXAR A HOMOSSEXUALIDADE.

Por conta da CENSURA PÚBLICA e ameaças à minha integridade física, infelizmente, tive que suspender o atendimento a pessoas que estão homossexuais até que a RESOLUÇÃO 01/99 do CFP seja anulada, pois ela me PROIBE de atender a tais pessoas.

O movimento de apoio aos que voluntariamente desejam deixar a homossexualidade ao realizar o apoio às pessoas que o procuram, voluntariamente, não há qualquer medicamento e nem persuasão para que saiam deste comportamento.

Tais pessoas, além do comportamento deixam a atração pelo mesmo sexo. Conhecemos as que desenvolveram a heterossexualidade, contraíram matrimônio, tem filhos e quase netos. Há relatos de pessoas que deixaram a homossexualidade e que não receberam qualquer apoio de psicólogo e nem de instituições, mas por decisão própria deixaram o comportamento homossexual, simplesmente porque desejaram. Receber alguma forma de apoio é um conforto, mas o ser humano muda o que quer na hora que quer e do jeito que deseja, com ou sem psicólogo, sozinho ou através do apoio de amigos, familiares ou grupos de apoio e mútua-ajuda que existem em todo o Brasil e através de suas redes de apoio ao redor do mundo. A saída da homossexualidade depende da motivação de quem deseja deixá-la e do quanto esta causa desconforto naquele que se estranha com a atração pelo mesmo sexo.

2) Que grupos estão sendo usados para o seu próprio extermínio e o da humanidade?

Venho observando que os movimento pró-homossexualismo e feministas vêm usando os mesmos argumentos e terminologias do movimento negro. Quem nunca ouviu a argumentação: “eu não escolhi ser homossexual assim como não escolhi ser negro”. O movimento negro parece que ainda não se deu conta de que está a serviço do seu próprio extermínio através de políticas para o controle de população passando pelo extermínio da raça negra através do aborto e homossexualismo. Observo com muita tristeza o movimento negro muito ligado aos que promovem a destruição da raça humana. É uma perversidade usar o negro para este propósito!

3) O apoio de um religioso às políticas de extermínio populacional.

Participando da Conferência Municipal na área de educação em Duque de Caxias-RJ, onde foram discutidos os planos para educação nos próximos 10 anos, completamente permeado pelas terminologias dos principais movimentos sociais anti-vida, um muçulmano participava do grupo de discussão. Ele estava apoiando as políticas públicas feministas e pró-gays nas escolas brasileiras. A princípio fiquei sem entender, achando que ele deveria ser um muçulmano desviado, pois os muçulmanos são contra o aborto e o homossexualismo. Todos sabemos que há um incentivo para a fertilidade das mulheres muçulmanas, visando o crescimento do número de muçulmanos. Até que ponto os muçulmanos não estão mudando o posicionamento para apoiar as políticas de extermínio dos não muçulmanos para se tornarem maioria da população em menos tempo?

4) Vamos nos defender e nos proteger ou deixar que grupos de extermínio continuem agindo de forma a destruir a todos nós?

VEJAM ARTIGO SOBRE AS POLÍTICAS DA ONU e suas agências financiadoras das políticas anti-vida e anti-cristã: http://noticiasprofamilia.blogspot.com/2009/09/comite-da-onu-os-paises-tem-de-garantir.html
Original aqui: http://www.lifesite.net/ldn/viewonsite.html?articleid=09082711

Verificamos que, no Brasil, a “Educação Sexual” está inclusa nos programas de educação pelo que presenciei nas discussões do plano na área da educação, mas ela está sendo palco de discussões em BERLIM: veja como as outras nações onde tais movimentos já se instalaram a luta em que se encontram. Precisamos cortar o mal pela raiz:
Fonte: http://noticiasprofamilia.blogspot.com/2009/09/fnuap-retira-nome-de-educacao-sexual.html
Original em inglês: http://www.lifesitenews.com/ldn/2009/sep/09090401.html

Assessores parlamentares, parlamentares e líderes do movimento pró-vida em todo o mundo tem nos ensinado como levar o povo brasileiro a realizar um movimento de forma a proteger a vida humana, família e princípios cristãos! Eu tenho tido o privilégio de fazer parte deste movimento, razão pela qual eu e o Deputado Henrique Afonso fomos alertados a nos calar.

Porém, você, cidadão(ã) brasileiro(a) não está censurado(a) e nem punido(a), portanto, não impedido(a) de lutar por sua vida e nem pela vida do seu semelhante. Se o povo brasileiro se levantar, quem irá calar a todos! Não espere que eu, Rozangela Justino e o Deputado Henrique Afonso além de calados e escarnecidos, sejamos mortos.

ESTÁ NA HORA DE TODOS NÓS NOS LEVANTARMOS E LUTARMOS JUNTOS!

MANIFESTAÇÃO POPULAR JÁ!

Antes que você seja eliminado da terra, lute enquanto há vida, lute contra as políticas de extermínio do nosso povo, da nossa nação!

Se todos nós nos levantarmos JUNTOS, não há quem nos cale, não há quem nos vença!

Em função do meu posicionamento pró-vida humana e família segundo os princípios cristãos, alguns se propõem a me julgar como louca e outros dizem que eu trabalho contra as próprias pessoas que estão homossexuais, mas quem conhece o meu coração é Deus. Tenho a consciência tranqüila do meu amor em primeiro lugar para com Deus e para com o meu próximo, especialmente para com aquele que se encontra na condição homossexual, independente de desejar ou não sair dela!

JESUS deus a sua vida por nós e devemos dar a nossa vida pelo nosso próximo e tal missão é loucura para muitos. Certamente, o missionário em muitos momentos esquece de si mesmo. No meu caso, dos prejuízos financeiros passando pelos da minha imagem acrescido das perdas de pessoas que pareciam amigas e companheiras. Tudo isso foi e tem sido muito doloroso, mas não me paralisou, pois sei que o meu redentor vive! Nem JESUS foi compreendido por todos e eu não tenho nem como me comparar ao mestre!

No entanto, de agora em diante, não aceitarei escárnio ou acusação injusta - estarei trabalhando de forma a estabelecer mais limites, pois DEUS é amor e também estabelece limites como forma de amor!

Sou apenas mais uma trabalhadora do REINO que tem um único e suficiente salvador: JESUS!

ELE MESMO DISSE:

O ladrão vem somente para roubar, matar e destruir; Eu vim para que tenham vida e a tenham em abundância. João 10:10

5 comentários:

  1. Parabéns pelo belíssimos trabalho com o blog.

    Já estou seguindo.

    Aproveito para lhe convidar a conhecer o meu blog, e se desejar segui-lo, será uma honra.

    Seus comentários também serão muito bem-vindos.

    www.hermesfernandes.blogspot.com

    Paz e Bem!

    ResponderExcluir
  2. Parabéns pelo espaço.

    Muito abençoado.

    Já estou seguindo.

    Forte abraço.

    alexmaltta.blogspot.com
    Evangelho da Graça

    ResponderExcluir
  3. Anônimo9:41 AM

    Oi Rosângela.
    Eu sou estudante de Psicologia e acredito que uma pessoa pode deixar de ser homossexual.Criei um blog e gostaria que você desse uma olhada.Confesso que estou em crise com a profissão.De que adianta eu tratar essas pessoas e ter o risco de perder minha profissão e meu ganha-pão?
    Veja meu blog: www.comodeixardeserhomossexual.blogspot.com
    Meu e-mail: psicologoamigo2009@hotmail.com

    ResponderExcluir
  4. Anônimo4:30 PM

    O que mais me entristesse é saber que há tantas pessoas (e são muitas!!!) infelizes, vivendo mentiras de que a homossexualidade é um fator genético ou algo parecido. Ou até mesmo tentando viver uma normalidade. O termo "gay" é uma grande lorota!!! Somos todos (me incluo) incompletos. Rosangela, apoio seu ministério, em orações. Não podemos nos calar. Há seres humanos gritando por socorro. Há vidas correndo o risco de serem destruidas. Já nem levo em consideração a "salvação cristã" mas, a manutenção de uma vida saudável. Cabeça no lugar.
    No livro Cristianismo Básico, de John Stott há o seguinte comentário: " Precisamos deixar de lado a apatia, o orgulho, o preconceito e o pecado para buscar a Deus, sem levar em conta as consequências. De todos esses impedimentos para a busca de Deus, os últimos dois são os mais difíceis de ser superados - o preconceito intelectual e o autodesejo, isto é, o pecado. Tanto um quanto o outro são expressões do medo, e o medo é o maior inimigo da verdade. O medo faz paralisar a nossa busca. Sabemos que encontrar a Deus e aceitar Jesus Cristo seria uma experiência inconveniente. Isso envolveria o repensar de toda a nossa perspectiva de vida e o reajustar de toda a nossa maneira de viver. E é a combinação da covardia intelectual e moral que nos faz hesitar. Não encontramos pq não buscamos; não buscamos pq não queremos encontrar; e sabemos que, para ter a certeza de que não encontraremos, não devemos buscar."
    Busquei e encontrei.
    Tem que ser muito Macho para romper com a homossexualidade. Quer saber?, sou muito macho pois tenho, a cada dia, rompido um pouco mais.
    Que a Graça de nosso Senhor e Salvador seja sobre tua vida. E sobre a vida de todos que querem romper, em/com muita fé, com o jugo da escravidão da homossexualidade!!!
    MRF

    ResponderExcluir
  5. Juliane Cristina12:00 PM

    Lí sua entrevista fornecida à revista veja e queria dizer que a admiro muito por sua coragem e sabedoria que vem de Deus. Eu e minha familia apoiamos seu ímportantíssimo ministério em oração. Gostaria de comentar a respeito daquela entrevista que a entrevistadora claramente a atacou o tempo todo. É uma vergonha a mudança de valores que existe hoje! Mas fico muito feliz que alguém decidiu enfrentar essas opiniões deturpadas. E olha que muita gente pensa como você mas não diz nada pq hoje em dia a tal "liberdade de expressão" é uma mentira criada para divulgar somente aquilo que foge dos princípios de Deus. Se alguém discursa em favor da verdade e dos princípios, essa pessoa pode ir presa pq tem preconceito. É ridículo que uma pessoa que considere que a outra possui um transtorno e a trate com amor seja considerada preconceituosa. Se fosse assim, todos os médicos que detectam transtornos e os tratam, tb seriam preconceituosos por dizer àquela pessoa que ela possui um transtorno. Não faz nenhum sentido. Você, como psicologa, trata pessoas, não as agride e nem as ofende. Isso é o que o conselho faz com você. De fato quem está sendo discriminada é a doutora e não os homossexuais. Estou lendo frequentemente o seu blog e gostaria de saber de que modo ajudar. Esse é o final dos tempos. Jesus está às portas e infelizmente muita gente está aprisionada e sofrendo o engano da mídia que é veículo de Satanás.
    Deus a abençoe grandemente!

    ResponderExcluir