Receba as postagens deste blog

19.9.10

O PNDH 3 COLOCA AS NOSSAS CRIANÇAS EM SITUAÇÃO DE RISCO CONSTANTE

Arquivo da Categoria ‘O PNDH e Nossos Filhos’

O que será de nossas crianças? Desconstrução da “heteronormatividade”
2 comentários

Querem levar nossas crianças a aceitar o anti-natural! (por Daniel Martins dfsmartins@gmail.com)

Quando vamos educar nossos filhos, uma das coisas primordiais é mostrar o que é certo e o que é errado.

A educação dos filhos depende de coisas elementares, como o convívio entre os irmãos, a limpeza, o vocabulário, etc.
Há outras coisas que nem é preciso ensinar, pois estão na própria natureza humana. Uma delas é a diferença entre homens e mulheres.

Outra é o fato de que o homem só se casa com uma mulher, e que uma mulher só se casa com um homem!
O PNDH-3 e o Governo chamam essas evidências de “heteronormatividade”. Para eles, isso é produto de uma sociedade “discriminatória”.

Como chamar de “discriminatório” a própria ordem natural das coisas?

Como chamar de “discriminatório” ao próprio Deus, que assim dispôs, na sua infinita Sabedoria?
O PNDH-3 não só critica a “heteronormatividade”, mas quer criar um sistema de informação e educação para “desconstruir” essa noção natural da sociedade.

Para onde isso nos levará? Sodoma e Gomorra…

Veja abaixo uma citação do próprio texto do PNDH-3:

“Apoiar projeto de lei que disponha sobre a união civil entre pessoas do mesmo sexo. Promover ações voltadas à garantia do direito de adoção por casais homoafetivos. Reconhecer e incluir nos sistemas de informação do serviço público todas as configurações familiares constituídas por lésbicas, gays, bissexuais, travestis e transexuais (LGBT), com base na desconstrução da heteronormatividade. Desenvolver meios para garantir o uso do nome social de travestis e transexuais.”

Querem que nossos filhos achem normal a prostituição!
3 comentários

Meu Deus! Até isso?!
Veja o que diz o PNDH-3:

“Realizar campanhas e ações educativas para desconstruir os estereótipos relativos às profissionais do sexo.”
Comentário:

Este palavreado arrevezado encobre uma infâmia. Deve-se “educar” a todos, inclusive as crianças, a que aceitem com normalidade a prostituição. É uma fábrica de prostituição, mesmo infantil, que fica assim liberada.

Outro trecho:
“Garantir os direitos trabalhistas e previdenciários de profissionais do sexo por meio da regulamentação de sua profissão.”
Comentário:

O Prof. Ives Gandra, em entrevista publicada pela UOL, afirmou: “Isso não é profissão; os verdadeiros direitos humanos seriam tirar essas moças do que elas estão fazendo e dar profissões dignas a elas”.
Concordo com ele.

Autor: Leo F. Daniele

O que estão querendo ensinar para nossas crianças
1 comentário

Veja o que o PNDH-3 está preparando para nossas crianças.

Diz o texto:
A educação em Direitos Humanos, como canal estratégico capaz de produzir uma sociedade igualitária, extrapola o direito à educação permanente e de qualidade.

A estratégia é a arte de traçar os planos de uma guerra (Silveira Martins). Essa guerra, diz o texto, destina-se a “produzir uma sociedade igualitária”, ou seja, comunista.

E o PNDH-3 é ainda mais claro especificando que “extrapola” do conceito corrente de educação. Portanto, engana-se quem julgar que se trata de uma simples iniciativa destinada à educação popular.

Não poucos esperam encontrar no progeto algo voltado para a benemerência, mas encontrarão nele um enigmático “canal estratégico”, como via para a “sociedade igualitária”.

Fonte: http://www.ipco.org.br/pndh/conteudo/category/deseducacao-no-pndh

Nenhum comentário:

Postar um comentário